Notícia

casas reais

De volta ao exílio no Estoril. Juan Carlos já anunciou oficialmente ao filho que vai deixar Espanha

O rei emérito fez o anuncio oficial. Felipe VI aceitou o exílio do pai, Juan Carlos. O regresso a Portugal, onde o Juan Carlos viveu anos de grande felicidade está em cima da mesa. Cascais já lhe abriu as portas.
03 de agosto de 2020 às 18:52
A cumplicidade e a história de vida cheia de boas recordações de Felipe de Espanha com o pai, Juan Carlos
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos e Don Felipe de Espanha
Don Juan Carlos pode passar o exílio em Portugal. O rei de Espanha Felipe VI aceitou hoje, segunda-feira, 3 de agosto, o exílio do pai, Juan Carlos, que o antecedeu durante quatro décadas. A informação foi avançada pela imprensa espanhola. 

A carregar o vídeo ...

A decisão tornou-se pública depois de Felipe VI ter terminado uma visita por Espanha. Segundo o jornal El Mundo avança, foi feita de forma a que parecesse ser uma escolha de Juan Carlos. De acordo com o El País, Juan Carlos I comunicou ao filho que decidiu abandonar Espanha e deixar de viver na Zarzuela. A decisão do rei emérito surge depois das investigações ao seu envolvimento em paraísos fiscais, e suspeitas de fraude fiscal.

Ex-amante do rei Juan Carlos acusa-o de lavagem de dinheiro ilícita
Juan Carlos e Corinna
Juan Carlos e Corinna
Juan Carlos
Juan Carlos
Juan Carlos
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
 Corinna zu Sayn-Wittgenstein e Juan Carlos
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Juan Carlos e Corinna
Juan Carlos e Corinna
Juan Carlos
Juan Carlos
Juan Carlos
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
 Corinna zu Sayn-Wittgenstein e Juan Carlos
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein
Corinna zu Sayn-Wittgenstein

Em junho, o Supremo Tribunal de Espanha abriu uma investigação ao envolvimento de Juan Carlos num contrato de uma linha ferroviária de alta velocidade na Arábia Saudita, pelo que se suspeita ter recebido dinheiro. A 15 de março, Felipe VI já tinha renunciado à herança do pai.

Recorde-se que Juan Carlos passou parte da infância e início de idade adulta no Estoril, com a família. Foi o seu primeiro exílio em Portugal. Desde que se começou a falar da saíde do rei emérito de Espanha, a autarquia de Cascais já manifestou a sua abertura para acolher o antigo monarca.  

O regresso dos Bourbon a Portugal
Juan Carlos II e a rainha Sofia com os filhos, Elena, Cristina e Felipe, numas férias de verão, no Estoril
O rei emérito na sua juventude, junto à baía de Cascais. Por cá viveu grandes paixões, fez amigos e pediu Sofia da Grécia em casamento
Os reis eméritos, Sofia e Juan Carlos II, com a infanta Elena, num dos verões, em Portugal
Na juventude, Juan Carlos, pai de Cristina, espalhava charme nos bailes do Estoril
Juan Carlos, o rei emérito, viveu paixões tórridas. Só que acabou por ter de casar-se com Sofia da Grécia. Hoje o casal continua junto apenas no papel
Os condes de Barcelona com dois dos quatro filhos: a infanta Margarida e Juan Carlos, atual rei emérito de Espanha
Juan Carlos com duas jovens amigas, na praia do Tamariz, Estoril
A condessa de Barcelona, D. Maria Mercedes, avó paterna da Infanta Cristina, com os 4 filhos os infantes Juan Carlos, Afonso, Pilar e Margarida
Juan Carlos e os irmãos vieram com os pais, Juan Carlos I e D. Mercedes, para Portugal, devido à repressão da ditadura franquista
Juan Carlos viveu em Portugal tempos de verdadeiro glamour. Pretende, agora, comprar casa em Cascais e visitar a filha, Cristina, com regularidade
Este é o palacete que o rei emérito está a tentar negociar e onde quer instalar a sua residência de verão, em Cascais
O rei emérito esteve, em 2005, instalado em Cascais, com a suposta amante Corinna zu Sayn-Wittgenstein
A Vila Giralda, que foi propriedade da família Espírito Santo, era a residência dos avós e do pai de Cristina. Foi nesta moradia que D. Afonso, irmão do rei emérito, morreu num acidente misterioso com uma arma de fogo
Reis de Espanhajpg
Reis de Espanhajpg

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
Anónimo 05.08.2020

Palavra? Para o Estoril? Mas quê: tem por cá alguma dama? Se não, vai para outras paragens... Que tal a Lili?

Anónimo 04.08.2020

Dizem que vem para o Estoril? Ainda bem que por aqui não há elefantes, mas mesmo assim cuidado com o Jardim Zoológico, não vá ele aparecer com uma carabina.

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;