Notícia

Nacional

Coronavírus: escolas asseguram refeições a alunos carenciados

Os alunos mais carenciados vão continuar a receber refeições escolares, mesmo estando as escolas fechadas, explicitou o Ministério da Educação. 
13 de março de 2020 às 14:18
A carregar o vídeo ...

Os alunos mais carenciados vão continuar a receber refeições escolares, mesmo estando as escolas fechadas, explicitou o Ministério da Educação em comunicado. 

"O fornecimento de refeições escolares aos alunos com escalão A da ASE deve ser garantido, devendo cada escola, em conjunto com as autarquias e os prestadores de serviço, encontrar a forma mais eficaz e segura de assegurar a refeição", pode ler-se no comunicado enviado a todas as escolas do país.

O Minsitério da Educação pediu às escolas que sejam eficazes na transmissão de informação e que reforcem que é essencial cumprir as regras de "higiene, de distanciamento social" e de reduzir as deslocações a locais com concentração de pessoas. Foi ainda pedido que as escolas comuniquem qualquer situação de suspeita ou contágio que decorra "após o início da suspensão".

Os alunos que terão de se inscrever em exames nacionais este ano não terão de se deslocar à escola para esse efeito, explicita o Ministério da Educação, não adiantando, no entanto, como se procederá este sistema.

O número de casos confirmados em Portugal de infeção pelo novo coronavírus, que causa a doença Covid-19, subiu hoje para 112, mais 34 do que os contabilizados na quinta-feira, e os casos suspeitos duplicaram para 1.308.

Segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS), dos 1.308 casos suspeitos, 172 aguardam resultado laboratorial.

Há ainda 5.674 contactos em vigilância pelas autoridades de saúde.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;