Notícia

Big Brother 2020

Passado de traições: o dia em que Hélder confrontou o pai com a amante. Tinha apenas 10 anos de idade

De origens humildes, a vida familiar de Hélder, o concorrente mais polémico do 'Big Brother 2020', ficou marcada por traições e álcool.
01 de junho de 2020 às 22:49
Hélder de Big Brother sofreu com passado de álcool e problemas familiares
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
helder, big brother
De origens humildes, a vida familiar de Hélder, o concorrente mais polémico do 'Big Brother 2020', ficou marcada por traições e álcool, com o pai que se tornava verbalmente agressivo quando bebia e teve várias amantes.

Em declarações exclusivas à 'TV Guia', Rosária Teixeira relembrou o inferno que viveu, o que tem sofrido com a participação do filho no 'reality show' da TVI e confessa que até já solicitou à produção para pedirem ao concorrente para desistir.

Convidada de Fátima Lopes, no 'A Tarde É Sua', a mãe do concorrente de Santa Maria da Feira volta a falar do passado de traições e confessa que só não se divorciou por causa do filho.

Os 10 primeiros anos de casamento a vida familiar foi feliz, Rosária Teixeira tinha concretizado o sonho de casar e ser mãe. Pai e filho eram os melhores amigos, brincavam juntos e mantinham uma ligação forte. Ao fim de 10 anos o pai saía de casa com frequência. Rosária descobriu que o marido tinha uma relação extraconjugal.

"Certas palavras que o meu filho disse ao pai naquele dia marcaram-me muito. Na altura eu era contra o divórcio quando havia filhos, porque quem sofre são os filhos não somos nós", justifica a mãe de Hélder.

Apenas uma criança, com 10 de idade, o agora concorrente do 'reality show' da TVI confrontou o progenitor: "Pai, um homem casado com um filho não sai de casa sozinho, leva o filho e a mulher."

As palavras fizeram eco também no homem. O casal decidiu dar nova oportunidade ao casamento. "Nessa altura perdoei pelo meu filho. Sabia que ele gostava muito do pai e o pai do filho. Pedi-lhe para mudar", relata Rosária.

Na década seguinte tudo correu bem, o marido passou a fazer vida apenas "entre a casa e o trabalho", até que se envolveu com outra pessoa. O pai de Hélder arranjou nova amante. Saía todas as sexta-feiras e sábados com a justificação que ía ao café. Rosária passava as noites acordada à espera que o marido regressasse a casa. Hélder voltou a confrontar o pai, explicando-lhe o tormento da mãe, mas o casamento estava condenado de forma fatal.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;